sábado, 27 de junho de 2009

Praias de Acaraú

As praias Monteiro, Arpoeiras, Barra do Zumbi, Espraiado, das Ostra e Volta do Rio as mais próximas da área urbana de Acaraú

O município de Acaraú conquista o visitante pela simplicidade de seu povo e pela força do trabalho estampado no rosto dos moradores. Por possuir um vasto litoral e receber as águas do Rio Acaraú, a atividade pesqueira é forte no município. Do Porto, na barra do rio, por exemplo, partem centenas de embarcações para o mar. Agora, com o fim do período do defeso da lagosta, a pesca intensificou-se na região.

 Porto do Acaraú

Estando em Acaraú, o Porto é um local que deve ser visitado. Diariamente, dezenas de pescadores com seus manzuás (armadilha para pescar lagosta) deixam a terra firme para passar até 30 dias no mar. Cada barco retorna com uma média de 600 a 700 quilos de lagosta, revela José Ferreira de Souza, que há 30 anos vive da pesca artesanal do crustáceo. José Ferreira informa que o município de Acaraú é considerado um dos maiores produtores de lagosta do Ceará.


Praia seca

Partindo para o litoral de Acaraú, uma das mais famosas praias urbanas do município é Arpoeiras, considerada uma das maiores praias secas do mundo. Fica a oito quilômetros do centro da cidade e o acesso é por estrada asfaltada e apenas um quilômetros de estrada de terra.

 Praia de Arpoeiras

Quem é acostumado com praias com ondas agitadas se espanta ao dar de cara com Arpoeiras. A primeira pergunta é onde está o mar, pois na praia só se observa uma extensa faixa de areia e rasas piscinas. É possível caminhar até quilômetros praia adentro para encontrar poucas ondas fracas.

  Praia de Arpoeiras

Os barraqueiros explicam que este fenômeno acontece diariamente. De acordo com a maré, a praia seca e enche por completo. Tem dia que ela seca pela manhã e enche à tarde. Em outros dias acontece o inverso. E quando está cheia é muito boa para o banho, recomenda o barraqueiro José Nilson dos Santos, que negocia há 15 anos no local. O fenômeno é comum para os comerciantes.

  Praia de Arpoeiras

Arpoeiras tem como pontos de apoio para os visitantes 10 barracas de praia, algumas abertas diariamente.

No caminho de Arpoeiras para Espraiado, outra praia de Acaraú boa para a pesca, é comum encontrar extensos varais repletos de peixes. Isso mesmo, centenas de peixes são tratados pelas mulheres dos pescadores e expostos ao sol para secar. Uma dessas mulheres é dona Geralda Miranda da Silva, que aos 85 anos ainda ajuda sua família salgando os peixes, lavando-os para tirar o excesso de sal e depois colocando no varal para secar. Dá para ganhar alguns trocados, diz a senhora com uma voz fraca e expressões faciais marcadas pelo tempo. Depois de seco, o peixe é vendido para bares e restaurantes. Assado dá um bom tira-gosto.

Praia do Espraiado

Saindo de Espraiado estão na seqüência as praias das Ostra e da Volta do Rio. A das Ostras é tomada por mangue e não apresenta infra-estrutura turística, já a da Volta do Rio é bastante visitada, no vilarejo de Juritianha, a dez quilômetros da sede de Acaraú.

Praia da Volta do Rio

FIQUE POR DENTRO

Ecoturismo em reduto dos tempos coloniais

Acaraú significa Rio das Garças e se localiza onde está situado o rio do mesmo nome, no litoral Oeste do Estado. A cidade limita-se ao Norte com o Oceano Atlântico; ao Sul com Morrinhos; a Leste com Itarema e ao Oeste com os municípios de Cruz e Bela Cruz. A economia é baseada na pesca, na agricultura e na pecuária.

O município se apresenta como um dos mais antigos redutos dos tempos coloniais. Seu nome se insere nos mapas seiscentistas, com a denominação de Barra do Caracu e serviu de ancoradouro nas referências costeiras. Nessa barra atracavam, além dos navios regularmente em movimento, os navios piratas, onde eram realizadas as operações de escambo ou de produtos nobres por quinquilharias originárias do Velho Mundo.

O povoamento da região foi iniciado por pescadores vindos do Rio Grande do Norte, atraídos pela abundância do pescado. Tornou-se distrito de Sobral em 22 de setembro de 1799. Posteriormente, foi elevado à categoria de vila e virou cidade em 19 de setembro de 1882. Tem cerca de 50 mil habitantes e preserva casarões, igrejas e praças com arquitetura antiga.

SAIBA MAIS

A cidade de Acaraú fica a 255 quilômetros de Fortaleza, no litoral Oeste do Estado.

Como chegar

De carro - De Fortaleza, o acesso se dá pela CE-085, rodovia litorânea que está em fase de conclusão até o Itarema, ou pela BR-222 até o município de Umirim, de onde segue pela CE-354 e pelas BRs 402 e 403.

De ônibus

A empresa Redenção tem viagens diárias para Acaraú às 7h, 8h15, 13h e 17h30

Fonte: Diário do Nordeste

Praia da Barrinha

2 comentários:

Comunidade de Curral Velho disse...

Hum, Acaraú realmente é uma bela cidade. Apesar de ser pequena, tem muito o que ser aproveitado, valorizado.E nós sabemos que pode melhorar, mas não só por parte dos moradores...

Kilu Araujo disse...

Tenho vontade de conhecer, dizem ter belíssimas prais!!! um dia se Deus quiser, ainda irei lá.